quarta-feira, 17 de junho de 2009

Estou amor do suspiro ao riso.


Eu divido em você e vou me dividindo para você. Me escondi em vão, me entregando inteira, irremediavelmente. Agora eu só divido com você. Não compartilho, não conto, porque os meus amigos estão espalhados por aí, vivendo os próprios amores. E eu vou carregando e guardando essa alegria completa que você me traz, até que - com a saudade apertada - o abraço de um amigo termine em meu rosto revelando o tanto que sou feliz de você.

2 comentários:

Satyagraha with Robertinho disse...

Muito bom. Isto que tem nome e não digo é bom, faz bem para o seu e o meu coração...rsrs.

Eu...enfim.

Bernardo Guimarães disse...

luluzinha:
é a coisa mais melhor de boa ver vc feliz.
bj do tio.